Não consegue largar o carboidrato? Dicas para emagrecer mesmo assim



Não consegue largar o carboidrato? Dicas para emagrecer mesmo assim

Quando o assunto é dieta, há quem consiga fazer aquelas com uma pegada mais restritiva, e há quem tente, mas não abra mão de alguns itens “do coração”, como o carboidrato, presente naquele arroz branco quentinho ou no pãozinho francês com gosto da infância.

Se você é dessas, conheça cinco maneiras de emagrecer mesmo assim.

“Os carboidratos têm a função de nos fornecer energia, são o combustível para o nosso organismo.

Muita gente acha que eles são vilões, mas, em uma dieta equilibrada, são essenciais”, diz a nutricionista Daphne Marques. 

Ela é quem dá as dicas abaixo!

Escolha as versões integrais dos carboidratos, pois saciam mais rápido e são mais saudáveis.

Faça trocas espertas

Isso significa abrir mão dos carboidratos refinados, que, além de serem pobres nutricionalmente, ainda facilitam muito o ganho de peso. “Prefira acrescentar cereais e grãos integrais, vegetais e frutas.

Você não precisa trocar tudo de uma vez, caso não consiga, mas vá introduzindo aos poucos até habituar ao paladar”, sugere Daphne.

Não pese a mão 

Para quem não consegue ficar longe do carboidrato, outra opção é tentar fazer um rodízio entre eles e não juntar tudo em uma refeição só.


Escolha sempre só um – na hora do almoço pode optar pelo arroz; e no jantar, pela batata cozida, por exemplo.

Reduza as quantidades

Quando você não for comer os carboidratos saudáveis, já sugeridos acima, pelo menos tente reduzir a quantidade da versão comum. “Ao invés de um pãozinho inteiro, tente uma banda, assim você não deixa de saciar sua vontade e não compromete tanto seu objetivo de emagrecimento”, lembra a nutricionista.

Não existe milagre. Você não vai conseguir emagrecer se insistir nos carboidratos em forma de doces, por exemplo.

Escolha alimentos aliados

Uma das recomendações da profissional é “sempre consumir o carboidrato junto com legumes, verduras e saladas, pois eles darão mais saciedade.

Assim você acaba comendo menos de qualquer jeito!”.

Evite consumir carboidratos muito tarde

Você já está se permitindo comer esse alimento delicado para uma dieta que visa enxugar a silhueta, então, além das particularidades das trocas e quantidades, “coma até, no máximo, umas oito da noite.

Se der vontade depois disso, lembre-se daquele jeans que você não vê a hora de fechar direitinho, o que pode ajudar a resistir!”, alerta a expert.

Você não pode ficar sem saber

A vida é feita de escolhas, por isso é tão importante que você as faça conscientemente.

Desse modo, vale ressaltar que “tudo em excesso faz mal.

O carboidrato consumido em grandes quantidades causa aumento de peso, principalmente se você não tem uma rotina de exercícios, pois ele vira açúcar e é estocado em forma de gordura no nosso organismo.

Se for de alto índice glicêmico, ainda há um pico de insulina, que desce na mesma velocidade com que subiu, causando aquela perigosa sensação de fome”, diz Daphne.

Loading...